Desafio dos Onze

Cem dias de blog. Claro que é só o começo, claro que a cada dia estamos em ajustes para trazer conteúdo que tanto tenha qualidade quanto seja atrativo para o emissor e também para o receptor da mensagem.

Assim, além do binômio visitas e comentários que geralmente pauta a vida de um blog, um terceiro fator de reconhecimento do trabalho desenvolvido aqui é a rede de influências desenvolvidas a partir daqui. E nessa semana tivemos duas ótimas notícias exatamente neste quesito:

A primeira é a inclusão na aba Resenhas e Notícias do siteTop 10 Animes. Obrigado aos responsáveis pela inclusão deste humilde blog ao lado de gigantes como o Chuva de Nanquim e o Video Quest ou clássicos como o Gyabbo! e o Subete Animes.

E a segunda… bem, é uma corrente entre blogs passada para cá pela Kiah do Dokiss. Sim, corrente. Entre blogs. Falta o profissionalismo que deveria pautar o conteúdo aqui? Sem dúvida. Dá para resistir a uma proposta sincera? Não.

Sei que soa indireta a uns e outros por aí, mas cada comentário dentro ou fora do seu blog, mesmo com intenções que não sejam das melhores [ou falta de manejo com a língua que infelizmente existe mesmo em pessoas muito simpáticas], é especial. Como pode alguém não querer os comentários que não sejam… interessantes o suficiente?

E lá vamos nós com o Desafio dos Onze proposto pela kya~. Claro, aqui o foco é todo em animes, mais do que a proposta original pensou. Boa leitura!

ONZE Curiosidades:

1 – Apesar de inclusive ter ganho um LP dos Cavaleiros do Zodíaco, me lembro de muito pouco da idolatrada Geração Manchete. Sei que vi Shurato, YYH e outros, mas o desenho da Bulma [vulgo Dragon Ball, que passava na época no SBT] me marcou mais que qualquer um destes.

2 – O primeiro filme que vi no cinema foi Pokémon, o Filme. Ganhei o card amarelo que não lembro mais de qual Pokémon era e… não, não chorei com Ash virando pedra. Ops, SPOILER.

3 – Mesmo sendo talvez um pouco velho para isso [acho!], nostalgio mesmo é o Band Kids, com Kira [gostosa!], Dragon Ball Z, Tenchi Muyo [gostosas!], Bucky e… Cadillacs and Dinosaurs. Melhor que metade do que estreia toda temporada no Japão.

4 – Um conhecido era fanático por Dragon Ball Z na época de exibição na Globo. Poucos anos depois, ainda com DBZ em exibição na Globo, vi o mesmo falando que aquilo era desenho animado do demônio que o impedia de trabalhar e focar na vida. Mais um salvo por Jesus, quando irá chegar o meu dia?

5 – Tinha me liberto desses desenhos chineses pornográficos [quer apostar quanto que em breve alguém chega no blog procurando por isto?] quando dois amigos, de círculos distintos, me apresentaram… Naruto. Sim, vi muito Naruto.

6 – Falando em Naruto, não só assistia e lia como ainda cometia o pecado supremo do shipping. Sim, porque NaruHina era algo que fazia todo o sentido do mundo na minha cabeça. Muito tempo depois comecei a pegar raiva do fandom [que é um porre, admitam!] e troquei para o superior [e faz mais sentido, perdão] NaruSaku. E atualmente… não ligo. De novo, perdão, sociedade.

7 – Primeiro hentai que assisti foi Ai Shimai, mais conhecido como Immoral Sisters. Boa escolha, não é considerado um clássico do gênero à toa. E sinceramente, se você não gostou, hentai não é para você.

8 – Primeiro anime que realmente diferencia os fracos [aspas] dos fortes [mais aspas] que assisti foi Mobile Suit Gundam [0079]. Em inglês. Em um torrent bizarro que existia na época com o trabalho de três ou quatro fansubs diferentes. Baixado no, HA!, Mininova. Que um ou outro de vocês nunca ouviu falar.

9 – O perfil Qwerty foi criado em Setembro/2008 para uso exclusivo no orkut. Entrei em Maio/2010 no Subete Animes [do qual sai em Novembro/2011] e em Agosto/2010 no Twitter pessoal. SIGÃO!

10 – Pareço legal, mas já joguei Visual Novel. Lidos: Planetarian, Wanko to Kurasou [rota principal mais metade de outra] e Katawa Shoujo [~50% do jogo completo, incluso o final de duas rotas]. E um teco de nada de Saya no Uta [mais ou menos meia hora].

11 – Pareço legal, mas enquanto nunca vi Ghost in the Shell: STAND ALONE COMPLEX, Monster ou Shoujo Kakumei Utena, já vi duas vezes a primeira temporada de K-ON! e quase vejo uma terceira recentemente.

ONZE Respostas:

1. Qual seu anime favorito?

Ginga Eiyuu Densetsu [Legend of the Galactic Heroes].

2. Na sua opnião a empresa [sic] de animes está caindo?

Indústria.

Falta de gente realmente excepcional como Hayao Miyazaki, Noboru Ishiguro [pesquisem!] e Satoshi Kon aliada a uma indústria focada em um nicho pequeno demais para permitir uma variedade realmente agradável. Assim, temos um buffet com somente quatro ou cinco tipos de prato mais algo por conta da casa; eu ainda gosto das meninas moe~ – e quem não curte, como fica?

3. Como você acha que deveriam inserir a empresa [sic] de animes no Brasil?

IMO, perderam a chance e não tem mais como.

Se quiserem tentar, sugiro um modelo de streaming via internet – pode ser que o lançamento do Crunchyroll por aqui seja a via certa, mas um serviço ajustado as peculiaridades do brasileiro seria uma boa.

4. Qual sua OP predileta?

Sexta abertura de Naruto.

5. E sua ED?

O de Bucky. Na versão brasileira.

6. Quais mangás você recomendaria pra quem não é muito fan de anime?

20th Century Boys e Dragon Ball do [pouco] que li, Berserk e Solanin baseado nas boas críticas.

7. E quais animes?

Tudo do Hayao Miyazaki [inicialmente Nausicaa], do Satoshi Kon [inicialmente Paprika], FullMetal Alchemist [2009], Kaiji e Nodame Cantabile.

8. Qual foi o primeiro anime que você assistiu por ser anime?

Naruto.

9. Você já assistiu algum anime só pelo Caracter Design? Qual?

Acredito que só consegui terminar de ver Hanasaku Iroha porque era bonitinho. E por ter mania de querer “completar” as coisas.

10. Qual seu sonho de consumo otaku?

Um itasha [aqueles carros personalizados com adesivos e tal] da Saber [Fate/stay night e Fate/zero] em um belo sedã de alguma marca japonesa aí.

Mas ficaria satisfeito com a coleção de luxo dos mangas do Naoki Urasawa.

11. Que personagem de anime (pela personalidade) se parece mais com você?

IKARI SHINJI: TOTAL BADASS.

E para as ONZE Perguntas, eu escolho VOCÊ, @Gyabbo:

1 – Qual seu anime favorito? E um que mesmo não sendo favorito te traz alguma recordação especial.

2 – Qual seu post favorito no blog? E um que ache injustiçado pelos leitores.

3 – Tem interesse em algum ramo paralelo e associado a animes? Se sim, qual?

4 – Tokusatsu, coisa de criança ou uma meio igualmente válido de contar histórias?

5 – Light Novel, Visual Novel, tem interesse em alguma dessas mídias? Por quê?

6 – O que acha da onda imensa de remakes e assimilados que anda tendo atualmente? Qual anime ou manga faria de novo se tivesse oportunidade?

7 – Moe: moexcelência, o câncer que está acabando com a indústria de animes, uma mistura dos dois fatores ou simplesmente nada disso?

8 – O que acha de shock value? Vale mesmo a pena apostar no pior da humanidade para fazer a sua obra? Caso tenha assistido Elfen Lied e/ou Now and Then, Here and There, gostaria que analisasse por esse viés estas obras.

9 – Ecchi, melhor ou pior que hentai?

10 – O que você acha da blogosfera animística hoje? O que está muito repetitivo e o que está faltando? [via @josikm]

11 – Por fim, três animes desconhecidos que você acha que seu leitor deveria dar uma chance. De preferência, filmes e/ou OVAs [duração de duas horas ou menos]

1 comentário

Arquivado em Outros

Uma resposta para “Desafio dos Onze

  1. Pingback: Desafio dos Onze |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s