Dentsu Cria Think Tank Para Estudar Os Otaku

Hora de traduzir daquele jeito mais uma notícia da fonte mais confiável da internet para notícias de anime para depois tecer alguns breves comentários. Pronto?

Na metade de Março/2012, a companhia japonesa líder em advertising, Dentsu, estabelecerá um think tank dedicado a pesquisar fãs passionais de idol, anime e outros interesses – em outras palavras, otaku. De acordo com a fonte Sankei, este é o primeiro instituto de pesquisa da indústria sobre otaku.

O think tank irá analisar o que se torna um grande sucesso entre estes de modo a desenvolver novos hits. A fonte do Sankei no Dentsu disse que se esta conseguir reconhecer e categorizar os gostos do otaku, pode desenvolver e antecipar hits Made in Japan tanto domesticamente quanto ao redor do mundo.

De acordo com a Dentsu, o estigma associado ao rótulo otaku tem diminuído. Uma pesquisa deste perguntou se os entrevistados eram otaku, sendo que 38% disseram “acho que sim” ou “posso ser chamado assim”. O Instituto de Pesquisas de Yano publicou um artigo sobre o “mercado otaku ano passado com os mesmos resultados. Sankei citou os exemplos do grupo idol AKB48 que já vendeu seis milhões de cópias de seus CDs e o romance best-seller sobre beisebol e negócios de Natsumi Iwasaki de nome Moshi Koukou Yakyuu no Joshi Manager ga Drucker no Management o Yondara [ou Moshidora].

A Dentsu já foi dona da Geneone Entertainment até transferir/vender seu comando para a Universal Pictures International Entertainmnet [UPIE] em 2008. Já patrocinou muitos animes ao longo dos ano, e sua subsidiária norte-americana recém-estabelecida [Dentsu Entertainemt USA] está trabalhando com Monsuno e Little Battlers eXperience [Danbooru Senki].

A notícia está redondinha, mas vale dar um pouco de contexto sobre o mercado japonês aqui. Como exemplificado pelas imagens que ilustram este artigo, a Dentsu realmente é uma das maiores patrocinadores e produtoras responsáveis por muitos sucessos no Japão, de Bleach a Ano Hi Mita Hana no Namae o Bokutachi wa Mada Shiranai.

Claro que obtém lucro, mesmo esta – e outras – recentemente terem sido ultrapassadas pela eficiente [e cheia de recursos para alocar] estratégia da SONY ao criar sua própria produtora [a ANIPLEX] e esta, seu estúdio de animação próprio, o A-1 Pictures.

Pensando parte na defesa de seus interesses e também em parte em como maximizar os lucros com esse pequeno mas ativo segmento do público consumidor japonês, a estratégia do grupo em realmente criar um verdadeiro centro de pesquisas dedicado a estudar o otaku como um verdadeiro espécime de laboratório soa assustador para certo segmento de pessoas mais idealistas, mas financeiramente é uma sacada muito da esperta.

Assim, apostas como a atual em animes focados em idol pode ser no futuro feita de forma ainda mais mecânica. Qual será o futuro que nos espera após isto?

3 Comentários

Arquivado em Notícias

3 Respostas para “Dentsu Cria Think Tank Para Estudar Os Otaku

  1. Isso pode ser tanto bom quanto ruim. Afinal, nem todos os hits otakus são ruins.

  2. Bem, acho que significa que se voltarão ainda mais para o nicho. De qualquer forma, várias empresas fazem isso, tipo a Globo. Acho que o efeito prático, nem deve ser tão visível assim, a não ser no gráfico dos empresários.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s